Saturday, June 15, 2024

Itália-Portugal, 3-0 Bis de Camarda e um sonho português que começou a morrer cedo na praia (crónica) | Abola.pt | Abola.pt

Must read

Avançado esteve grande no triunfo sobre a Seleção Nacional; Itália sagra-se campeão europeia da categoria pela primeira vez

Pela primeira vez na sua história, a Itália é campeã europeia sub-17, depois de vencer, esta quarta-feira, por 3-0, Portugal na grande final, no Limassol Arena, em Chipre.

A formação transalpina, praticamente, arrecadou o troféu no primeiro quarto de hora. A forte entrada em jogo foi recompensada, aos 7 minutos, com o golo de Federico Coletta, que correspondeu, com a cabeça, a um belo cruzamento de Cristian Cama, pelo corredor esquerdo.

A equipa portuguesa pareceu não ter levado a sério o aviso italiano e concedeu novo golo, desta feita por Francesco Camarda (16), que beneficiou da (muita) passividade nas abordagens do central Rui Silva e, depois, do lateral-direito Edgar Mota. O lance pareceu ser precedido de fora-de-jogo, mas esta prova não contou com a utilização de VAR.

A equipa portuguesa despertou do (valente) adormecimento e começou a colocar o seu jogo em prática. O irrequieto Geovany Quenda lá conseguiu tirar um adversário da frente e rematou para defesa incompleta de Massimo Pessina, que largou a bola para a frente. Na recarga, Eduardo Fernandes permitiu nova defesa do guarda-redes italiano.

Portugal estava na sua melhor fase do jogo e somou vários remates desenquadrados. muitos por Rodrigo Mora. O talentoso médio do FC Porto -melhor marcador do torneio com 5 golos- viveu uma noite desinspirada, assim como o resto da equipa.

No regresso dos balneários, o conjunto de Massimiliano Favo arrumou de vez com a questão. Aos 50 minutos, bela jogada de transição, com Mattia Mosconi a isolar Francesco Camarda, que teve a frieza necessária para colocar a bola debaixo do corpo de Diogo Ferreira.

Os comandados de João Santos procuraram, pelo menos, marcar o golo de honra, mas os italianos foram soberbos taticamente, anulando as mais-valias individuais da equipa portuguesa.

Depois das finais perdidas em 2013, 2018 e 2019, a Itália levantou finalmente o troféu. Apesar do 2.º lugar, nada apaga a excelente campanha portuguesa na competição.

Latest article