Friday, May 24, 2024

Fertagus prevê perturbações na circulação dos comboios devido à greve na IP

Must read

Fertagus prevê perturbações na circulação dos comboios devido à greve na IP

A empresa ferroviária já divulgou a lista com os serviços mínimos. Prepare-se para dois dias de deslocações caóticas.

Quem recorre aos transportes públicos para se deslocar terá de se armar de paciência durante os primeiros dias do ano. Os trabalhadores da Infraestruturas de Portugal (IP) convocaram uma greve que vai provocar “perturbações significativas” na circulação de comboios por todo o País, nos dias 2 e 4 de janeiro (esta terça e quinta-feira).

A paralisação, que abrange os trabalhadores de operação, comando, controlo, informação, gestão de circulação e conservação, ferroviária da IP, está relacionada com as condições de trabalho e vencimentos da profissão. Os motivos da greve são os mesmos da paralisação que tinha sido convocada para setembro de 2022, altura em que a empresa se tinha comprometido a negociar um acordo.

“O acordo seria fechar as negociações e compromisso de paz social até 31 de dezembro de 2023, mas face ao incumprimento por parte da IP, resolvemos decretar greve a partir do início de janeiro e será uma greve que, até que haja um acordo ou uma mudança de posição, irá continuar”, afirmou Adriano Filipe, presidente da Aprofer ‒ Associação Sindical dos Profissionais do Comando e Controlo Ferroviário, aqui citado pela rádio Renascença.

Considerando que a IP é a gestora da rede ferroviária nacional, a paralisação deverá levar ao cancelamento de comboios não só da CP, como também da Fertagus, que liga Setúbal e Lisboa. “Face à greve anunciada por várias organizações sindicais representativas dos trabalhadores da IP, entre a meia-noite e as 24 horas dos dias 2 e 4 de janeiro poderão ocorrer perturbações na circulação de comboios da Fertagus”, refere a empresa, que costuma colocar no site os horários previstos para estes dias.

Nos dias da paralisação estão garantidos os serviços mínimos, com a previsão de circulação dos comboios Alfa Pendular e Intercidades, Regional, Inter-regional e Internacional, Urbanos do Porto, de Coimbra e Lisboa.

No caso da CP, a circulação poderá ser afetada também na quarta e sexta-feira, 3 e 5 de janeiro. As informações sobre os serviços mínimos garantidos podem ser consultadas no site da empresa. Aos clientes que já tenham bilhetes adquiridos para viajar nestes comboios destes serviços, a empresa ferroviária nacional permitirá o reembolso, no valor total do bilhete adquirido, ou a sua troca gratuita para outro transporte da mesma categoria e na mesma classe.

A IP é responsável pela gestão de infraestruturas rodoviárias e exerce a prestação de serviço público de gestão da infraestrutura integrante da Rede Ferroviária Nacional.


Latest article