Wednesday, May 22, 2024

Fitness Up diz que procura “parceiros estratégicos”

Must read

O CEO do Fitness UP disse, ao JE, que tem “a missão de encontrar parceiros estratégicos para integrar o nosso projeto de expansão nacional e internacional”, o que, assegura, é bem diferente de “estar à venda”, referindo-se ao mandato da Clearwaters, sem avançar com detalhes.

O Fitness Up Group, liderado por Hélder Marinho Ferreira, CEO e fundador, reagiu à notícia do Jornal Económico intitulada “Clearwater assessora venda dos ginásios Fitness UP”, esclarecendo que “a Clearwater tem um mandato desde 2019 com a missão de encontrar parceiros estratégicos para integrar o nosso projeto de expansão nacional e internacional”, o que, assegura, é bem diferente de “estar à venda”.

A Fitness UP revela ainda que “desde então, já encontramos vários parceiros estratégicos”, sem especificar.

O site “Mergermarket” que avançou com o processo de venda em curso, com mandato atribuido à Clearwaters, diz que o resultado antes de juros, impostos, depreciações e amortizações (EBITDA) da dona da rede de ginásios ascende a 18 milhões de euros.

“Estamos a falar em criar novas empresas, como já fazemos desde sempre” refere o CEO do grupo, referindo-se a ginásios que são considerados pela Fitness UP como “empresas”, sem detalhar quais as parcerias que procuram e para que ginásios.

Recorde-se que no ano passado o Grupo Fitness UP – uma cadeia low cost que surgiu em 2012, em Famalicão – foi uma das cinco candidatas que, entre janeiro e março de 2023, viram aprovado um apoio à capitalização com dinheiro do Fundo de Capitalização e Resiliência, gerido pelo Banco Português de Fomento (BPF).

Ao Fitness UP Group SPGS, que detém uma rede de ginásios espalhada pelo país, coube uma dotação de cerca de 5,8 milhões de euros do Programa de Recapitalização Estratégica, criado pelo banco promocional, com o objectivo de distribuir até 400 milhões de euros a empresas de interesse estratégico nacional.

Em declarações ao Jornal Económico, o responsável pela empresa confirma que “que foi considerado empresa estratégica pelo Banco Português de Fomento em junho do ano passado, no âmbito da candidatura ao programa de recapitalização estratégica” mas avança que “depois não finalizaram a candidatura e não receberam qualquer apoio”.

No Grupo Fitness UP contam-se 52 ginásios, do Norte ao Algarve (alguns em pré-venda e outros a abrir brevemente) mas com especial incidência no norte do país, de onde é oriunda esta empresa fundada por Hélder Ferreira.

Em junho do ano passado, a cadeia de ginásios Fitness Up anunciava que estimava investir 15,6 milhões de euros na abertura de 13 ginásios e ultrapassar uma faturação de 45 milhões de euros em 2023.

O grupo apresentou ainda previsões para 2024, revelando que antecipava um investimento de 19,2 milhões de euros com a abertura de 16 ginásios e uma faturação que poderia chegar aos 62 milhões de euros. O grupo pretende fechar o ano de 2024 com 60 ginásios.

No mesmo comunicado, o Fitness Up revelava que contava com mais de 1.200 colaboradores nos clubes abertos e em fase de pré-venda, sendo que, “em 2024, prevê empregar mais de 2.000 pessoas na totalidade”.

 

 

Latest article